A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da DPCA de Luziânia, deu cumprimento a mandado de prisão preventiva a um homem acusado de abusar sexualmente de crianças o acusado se encontra recolhido no presídio de Luziânia.

A investigação já tinha sido concluída e representada pela prisão preventiva deste criminoso, tanto a investigação quanto o processo correm em caráter sigiloso, por isso nem o autor, nem os fatos serão divulgados, especialmente para preservar as vítimas para que elas possam retomar o curso de suas vidas sem demais danos.

A decisão de prisão foi proferida pelo Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Luziânia, com manifestação favorável do Ministério Público, sendo cumprida a prisão pelos policiais civis da DPCA com apoio da DEAM de Luziânia-GO.

O acusado está preso e encontra-se à disposição da Justiça, lembrando que a denúncia nestes casos por familiar é de relevante valor para interromper o ciclo de violência sofridas por crianças, pois muitas vezes o delito acontece dentro de casa, sem testemunhas, e toda a investigação será conduzida com absoluto sigilo e acolhimento à vítima e familiares.